As intervenções social externas ao quilombo e o impacto desta na autoestima da mulher afrodescendente

Dublin Core

Título

As intervenções social externas ao quilombo e o impacto desta na autoestima da mulher afrodescendente

Assunto

Introdução: Os países que se encontram os remanescentes da diáspora africana como o Brasil, as culturas negras ainda são consideradas como subculturas não sendo reconhecidas por parte da cultura dominante, sendo assim eles não conseguem alcançar a sua plenitude. Nesse sentido, é de grande relevância citar a Constituição de 1988, que trouxe reconhecimento para os quilombos através do artigo 68. O preconceito sobre os quilombos trazia a ideia de locais perigosos, de refúgio para negros e negras vadios, fugitivos e criminosos. Por muito tempo as mulheres negras não tiveram oportunidade de contar as suas próprias histórias e experiências, sendo que um dos estereótipos mais antigos é o das mulheres negras fortes, cuidadosas, trabalhadoras e que nunca se cansam. Objetivo: verificar como as interações sociais externas ao quilombo podem interferir na autoestima da mulher afrodescendente. Métodos: Pesquisa de campo com abordagem quanti-qualitativa e ocorreu na comunidade Quilombola Cedro em Mineiros-GO. Participaram 46 mulheres afrodescendentes da comunidade com idade entre 18 aos 59 anos. Respondendo ao questionário semiestruturado, Inventário de Habilidades Sociais (IHS 2) e a Escala de autoestima de Rosenberg (RSES). Resultados: Os contextos externos a comunidade interferem em como a mulher afrodescendente se autoavalia, pois os eventos traumáticos envoltos do preconceito racial que elas já vivenciaram em algum momento de sua vida impactam e criando barreiras da forma como se comportam em ambientes sociais. Conclusão: As mulheres demonstram autoestima elevada, mesmo que com uma avaliação positiva sobre si, identificou-se a necessidade de desenvolver as habilidades sociais.

Descrição

Trabalho de conclusão de curso apresentado à Faculdade Morgana Potrich como requisito para a obtenção do grau de Bacharel em Psicologia.

Autor

PEREIRA, Fabrício Malaquias
DUARTE, Mariane Rodrigues
BUCHLI, Gabriela (orient.)

Editor

Edição do Autor

Data

2021

Direitos

A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Autorizo a FAMP - Faculdade Morgana Potrich a disponibilizar gratuitamente, sem ressarcimento dos direitos autorais, o documento supracitado, de minha autoria na biblioteca da FAMP para fins de leitura e/ou impressão pela internet, de imediato.

Formato

PDF

Idioma

Português

Tipo

Trabalho de Conclusão de Curso

Arquivos

PEREIRA, Fabrico Malaquias; DUARTE, Mariane Rodrigues; BUCHLI, Gabriela (orient.). As intervenções social externas ao quilombo e o impacto desta na autoestima da mulhe.pdf

Coleção

Referência

PEREIRA, Fabrício Malaquias, DUARTE, Mariane Rodrigues, e BUCHLI, Gabriela (orient.), “As intervenções social externas ao quilombo e o impacto desta na autoestima da mulher afrodescendente,” REPOSITÓRIO INSTITUCIONAL DA FAMP, acesso em 13 de agosto de 2022, http://repositorio.fampfaculdade.com.br/items/show/538.